segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Novidade

Seguro-desemprego poderá ser depositado em conta bancária

 
O FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) aprovou uma resolução que permite o recebimento do seguro-desemprego em depósito direto em conta-poupança ou conta simplificada da Caixa Econômica Federal. A nova metodologia traz mais comodidade ao trabalhador e segurança no pagamento do benefício, segundo o diretor de Políticas Públicas de Emprego, Rodolfo Torelly. "E também promove a inclusão bancária. O depósito em conta-poupança propicia ao trabalhador a facilidade de retirada de pequenos valores, ao invés de sacarem o recurso de uma só vez, na boca do caixa", explica Torelly.

De acordo com a Caixa, há cerca de 40 milhões de contas-poupança e 7 milhões de contas simplificadas. Até o momento um projeto-piloto desenvolvido nos Estados de Goiás, Acre e Espírito Santo já efetivou créditos em 315 mil contas-poupança e em 24 mil contas simplificadas.

A Caixa informou que o trabalhador também poderá receber o crédito em sua conta-corrente, sem ônus. Para isso o beneficiário precisa fazer a opção na Caixa Econômica Federal, pois a opção pela conta-corrente não é automática.

Seu direito - Têm direito ao seguro-desemprego os trabalhadores dispensados sem justa causa, inclusive a indireta, que comprovem ter recebido salários consecutivos no período de seis meses imediatamente anteriores à data da dispensa, de uma ou mais pessoas jurídicas ou físicas equiparadas às jurídicas; terem sido empregados de pessoa jurídica ou pessoa física equiparada à jurídica durante, pelo menos, seis meses nos últimos 36 meses que antecederam a data de dispensa que deu origem ao requerimento; não estarem recebendo qualquer benefício previdenciário de prestação continuada, excetuando o auxílio-acidente e a pensão por morte; e não possuírem renda própria de qualquer natureza suficiente à sua manutenção e de sua família.

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Economia



Desemprego no país é o menor no mês passado, aponta IBGE

A taxa de desemprego apurada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nas seis principais regiões metropolitanas do país foi de 6,9% em julho, um recuo de 1,1 ponto percentual em relação ao mesmo período em 2009, quando o índice foi de 8%.

O resultado é o menor para um mês de julho desde o início da nova série histórica da Pesquisa Mensal de Emprego (PME), em março de 2002. A população desocupada (1,6 milhão) ficou estável no mês e recuou 11,3% na comparação anual. A população ocupada (22 milhões) manteve-se estável no mês e cresceu 3,2% em relação a julho de 2009.

O número de pessoas com carteira de trabalho assinada no setor privado (10,2 milhões) ficou estável no mês mas cresceu 5,9% em relação a julho de 2009. O rendimento médio real dos trabalhadores (R$ 1.452,50) cresceu 2,2% no mês e teve alta de 5,1% no ano. A média de janeiro a julho da taxa de desocupação (7,3%) caiu 1,2 ponto percentual em comparação com igual período do ano passado (8,5%).

A população ocupada no total das seis regiões metropolitanas permaneceu estável em todos os grupamentos de atividade, em relação a junho. Na comparação anual, houve alta nos seguintes grupamentos: indústria extrativa, de transformação e distribuição de eletricidade, gás e água (7,1%), educação, saúde, serviços sociais, administração pública, defesa e seguridade social (4,5%) e dos outros serviços (5,6%). Houve queda apenas o grupamento dos serviços domésticos (-5,4%).


terça-feira, 24 de agosto de 2010

Tecnologia

Certificação digital em documentos eletrônicos disponível no TJ

A partir de outubro deste ano, os documentos administrativos e judiciais do Tribunal de Justiça serão assinados eletronicamente, por meio de certificação digital. O objetivo da certificação digital é dar validade jurídica às transações realizadas no meio eletrônico e a assinatura funciona de forma semelhante ao processo de reconhecimento de firmas nos cartórios, garantindo a veracidade da assinatura de determinada pessoa.

O Judiciário maranhense recebeu do Banco do Brasil a doação de 2.500 kits de certificação digital, que servirão para autenticar a assinatura de magistrados de 1º e 2º graus, diretores e coordenadores. O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, Jamil Gedeon, testou nesta terça-feira (24) o equipamento e o cartão magnético que lhe permitirão a assinatura digital e o acesso a sistemas eletrônicos de órgãos que utilizam essa tecnologia, a exemplo da Receita Federal.

A certificação digital segue recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que nos próximos meses irá distribuir aos tribunais estaduais o Processo Judicial Eletrônico (PJe), sistema que controla a tramitação e prática de atos processuais em processos exclusivamente eletrônicos. A partir de então, os documentos serão processados eletronicamente e assinados digitalmente, sem a necessidade de tornar físicos os arquivos.

Saúde


Construção de mais dois postos de saúde e reforma em 42 unidades

Durante a entrega de 100 equipamentos auxiliares de locomoção (cadeiras de rodas) a pessoas com deficiência, realizado ontem (24) na Praça Maria Aragão, o prefeito de São Luís, João Castelo, assinou ordens de serviços para a recuperação de 42 unidades de saúde da família (USF) e construção de mais dois postos nos bairros do Residencial Paraíso e São Francisco.

As obras, em conjunto, estão orçadas em aproximadamente R$ 1,8 milhão e serão realizadas pela Prefeitura de São Luís em parceria com o Sistema Único de Saúde (SUS). As construtoras RK Engenharia e MP Construções começam a trabalhar, a partir de hoje (25), na reforma das 42 USF´s e na construção das novas unidades.

“Nos últimos dias, assinamos uma série de ordens de serviços, concretizando os projetos que a nossa equipe de trabalho produzia há quase um ano. São Luís está se transformando em um verdadeiro canteiro de obras. Gosto de fazer obras permanentes, porque costumo pensar nas próximas gerações. Esta é uma das marcas do meu trabalho na vida pública. Com a Saúde, não poderia ser diferente”, enfatizou João Castelo durante discurso na solenidade.

Eleições


Pesquisa antiga/ilustração materia


TSE suspende programa de Dilma

Severino Motta
iG Brasília

A ministra Nancy Andrigui, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), proibiu a coligação encabeçada pela candidata Dilma Rousseff (PT) de repetir propaganda eleitoral na televisão em que a margem de erro e o período de realização de uma pesquisa eleitoral estão ilegíveis para o telespectador.

O programa, que foi ao ar nesta terça-feira (24), apresentou a pesquisa realizada pelo Datafolha, mostrando a petista 17 pontos a frente do candidato tucano à Presidência, José Serra. De acordo com Nancy, “não foi informado com clareza passível de leitura e tampouco anunciado pelo locutor a data da realização da pesquisa, nem a margem de erro na coleta de dados”.

Tal informação é obrigatória ao se apresentar pesquisas eleitorais devido a uma resolução de 2009, do próprio TSE. Como a decisão foi monocrática – proferida por uma única ministra – a coligação de Dilma pode recorrer ao plenário da Corte.

Final de semana


Um microfone e muitas risadas

“Comédia em Pé” é um espetáculo de humor despojado, que reúne um bando de sujeitos engraçados, e com cara-de-pau suficiente para se apresentar sem o apoio de maquiagem, figurino, luz ou atores coadjuvantes. São humoristas que atuam de pé, diante da platéia, na companhia apenas do microfone e do seu texto. Um material (é assim que os praticantes desse gênero de espetáculo se referem ao texto), escrito pelos próprios comediantes, explorando os aspectos mais inusitados e – claro! – engraçados da vida. Aquelas situações pelas quais todo mundo passa, só que filtradas por um olhar muito bem humorado, que enxerga o que há de mais hilário no cotidiano.

Formado por cinco comediantes cariocas e seus convidados, o grupo trouxe para o Brasil o Stand Up Comedy, um formato de pocket show que se consagrou nos Estados Unidos, e que hoje faz rir platéias de teatros, bares, casas noturnas e cafés-concerto espalhados por todo o mundo.

Um espetáculo leve, ágil, centrado na capacidade de observação, na inteligência do texto e na habilidade de fazer rir. Uma experiência que se modifica a cada apresentação, incluindo sempre novos textos, novas sacadas, novas oportunidades de dar uma boa gargalhada.

Uma atração à parte é o "Mico Aberto", momento do espetáculo em que um comediante iniciante, selecionado por inscrição prévia, é convidado a se “arriscar”, apresentando-se por três minutos. Deste “mico” já surgiram novos humoristas, que hoje se apresentam e se aperfeiçoam no gênero Brasil afora. A seleção é feita por envio de textos por e-mail. Mais informações no site do espetáculo - http://www.comediaempe.com.br/



SERVIÇO


Espetaculo "Comédia em Pé"

Quando: dias 28 e 29 de agosto, às 21h
Local: Concha Acustica da Lagoa
Ingressos: R$ 40, 00 ( inteira ) 20,00 ( meia entrada)
Vendas:  Shopping Tropical (Loja Toli)- 3227.2642/ 3251.5151
                Rio Anil Shopping (Loja Stalker) - 3259.3146
                Tels para contato: 3083.1430 / 8143.5440

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Festival


Vídeo turístico de São Luís disputa prêmio em Portugal

O vídeo turístico “São Luís, Capital Brasileira da Cultura 2009”, de divulgação da capital maranhense, é um dos 169 selecionados para participar do Festival Internacional de Filmes de Turismo - ART&TUR. O evento será realizado entre os dias 23 e 27 de setembro, na cidade de Barcelos, Portugal, e poderá premiar a peça maranhense como melhor vídeo turístico do mundo. A produção foi inscrita pela Secretaria Municipal de Turismo (Setur) e é uma ótima oportunidade de expor a diversidade cultural local.

Mais de 150 filmes brasileiros foram enviados para o festival e destes apenas 22 foram selecionados para a efetiva exibição e mostra competitiva, entre eles a fita inscrita pela Setur. Em 2009, o diretor executivo da ONG CBC, Mário Vendrell, disse que “São Luís passa a fazer parte de um seleto grupo de cidades no mundo que já foram designadas como capital cultural, cujas informações sobre a sua história e a sua cultura ficarão preservadas para futuras gerações”.


SERVIÇO
O vídeo pode ser visualizado no portal da Prefeitura: http://www.saoluis.ma.gov.br/

Seu Direito


Classificados: de quem é a responsabilidade
 

A empresa jornalística pode ser responsabilizada civilmente pelos produtos e serviços oferecidos nas páginas dos classificados? A questão foi debatida no julgamento de um recurso especial da RBS Zero Hora Editora Jornalística S/A contra a pretensão de um consumidor em busca de indenização por dano material. J.C.P. foi vítima de estelionato ao comprar um carro anunciado nos classificados do Diário Catarinense que nunca foi entregue.

Em 1º de dezembro de 2002, J.C.P. adquiriu um exemplar do Diário Catarinense (publicação do grupo Zero Hora) e se interessou pelo veículo da marca Audi, modelo A3, ano 2000/2001 anunciado no caderno de classificados. De acordo com as informações do processo, o anunciante pediu um adiantamento de R$ 9 mil, a ser depositado na conta de Izaque S. Santos. Assim fez o consumidor que, ao final, acabou não recebendo o carro anunciado.

Em face do golpe, J.C.P. entrou na Justiça com um pedido de indenização por dano material contra o jornal no valor que havia pago ao suposto dono do carro. A sentença de primeiro grau reconheceu a conduta “negligente” do Diário Catarinense e julgou procedente a ação para condenar a empresa jornalística ao pagamento de R$ 9 mil pelo prejuízo sofrido.

A RBS Zero Hora Editora recorreu ao Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (TJSC), mas a decisão do tribunal manteve o entendimento da sentença. “A empresa jornalística passa a ser responsável civilmente pelos prejuízos sofridos por terceiros em decorrência de anúncios fraudulentos por ela veiculados. Existente relação de consumo entre o jornal e o consumidor que se utiliza dos serviços oferecidos por aquele”.

Insatisfeita com a decisão desfavorável, a empresa jornalística apelou ao STJ, argumentando haver decisão da Casa no sentido de que o jornal não pode ser responsabilizado pelos produtos e serviços oferecidos pelos anunciantes. Os advogados também alegaram que não se aplica o Código de Defesa do Consumidor (CDC) nessa relação entre o jornal e o leitor/comprador.

Ao votar, a relatora do processo, ministra Nancy Andrighi, explicou que o recurso apresentava duas questões para análise: se seriam aplicáveis as disposições do CDC nessa relação entre o Diário Catarinense e o consumidor e se o jornal deveria reparar os danos materiais sofridos por vítima de crime de estelionato decorrente de anúncio publicado nas páginas de classificados.

"Neste processo há três figuras distintas: o jornal, que publicou o anúncio de venda de veículo no caderno dos classificados; o anunciante, que praticou suposto crime de estelionato; a vítima desse crime, que comprou um exemplar do jornal Diário Catarinense e entrou em contato com o anunciante, antecipando-lhe o pagamento de um veículo que não foi entregue. A decisão do TJSC reconheceu a existência de relação de consumo entre o jornal e a vítima de estelionato, considerando que a publicação jornalística figurava nessa relação como fornecedor, sendo a responsabilidade da empresa objetiva”, explicou a ministra.

Todavia, a relatora não acolheu a tese, afirmando que o jornal não se enquadra no conceito de fornecedor, nos termos do artigo 3º do CDC. “Isso porque a RBS Zero Hora não participou da relação de consumo havida entre o anunciante e o consumidor. Com efeito, o dano material não foi proveniente do jornal fornecido pelo recorrente, mas pela não entrega do veículo ofertado pelo anunciante”.

Para a ministra, a responsabilidade pela ocorrência do dano não pode ser imputada ao jornal porque a empresa jornalística não elaborou o anúncio, tampouco fez parte do contrato de compra e venda entre o suposto vendedor e o interessado na compra. “O prejuízo sofrido se deu em razão do pagamento por um veículo, o qual não foi entregue pelo anunciante, e não pela compra de um exemplar do jornal. Ou seja: o produto oferecido no anúncio (veículo) não tem relação com o produto oferecido pela recorrente (publicação de anúncios)”.

Segundo a orientação da ministra, que foi acompanhada pelos demais ministros da Turma, a empresa jornalística não pode ser responsabilizada pelos produtos e serviços oferecidos pelos anunciantes, sobretudo quando não se pode deduzir, na simples leitura de um anúncio de jornal, qualquer ilegalidade. Desse modo, a relatora conheceu e deu provimento ao recurso da RBS Zero Hora Editora Jornalística S/A para julgar improcedente o pedido de indenização por danos materiais.

Fonte: Coordenadoria de Editoria e Imprensa do STJ

Agenda

 

TAA será palco da abertura da II Semana de Música

Nesta terça-feira (24), a partir das 19h, o Teatro Arthur Azevedo (TAA) será palco da abertura das atividades da II Semana de Música, promovida pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema), por meio do curso de Licenciatura em Música.A solenidade contará com a apresentação do grupo “Madrigal Capela Brasileira”, sob a regência do professor Ciro de Castro, com a participação da Orquestra da Escola de Música do Estado do Maranhão - Lilah Lisboa (Emem).

As atividades da Semana acontecerão até a próxima sexta-feira (27), em espaços diversos para melhor comodidade dos participantes. Desse modo, o público poderá usufruir de oficinas, apresentações de trabalhos científicos, palestras, conferências, atrações culturais e workshops, que serão realizados no prédio da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, no Centro de Criatividade Odylo Costa Filho e no Teatro João do Vale.
Em toda sua programação, a II Semana de Música da Uema contará, ainda, com a participação de vários profissionais renomados, entre estes, a pesquisadora, cantora e compositora, Nair Spinelli Lauria, que fará uma palestra sobre a "Educação Musical na Contemporaneidade: a utilização da brincadeira na escola", no dia 27 de agosto, a partir das 14h30, na sala de multimídia do Centro de Criatividade Odylo Costa Filho.

Também estarão presentes, ministrando oficinas e demonstrando performances, o premiado violonista português, Victor Castro; e os maranhenses Ivan Veras, professor de Arte; e Luthier Ricardo Passos, que trabalha com musicalização a partir da confecção de instrumentos musicais com materiais alternativos. O credenciamento para o evento será realizado hoje (23), a partir das 15h, no prédio da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. Já as inscrições continuam sendo feitas na diretoria do curso de Música, mediante o pagamento de uma taxa de R$ 20,00.

Mais informações: http://www.uema.br/

Concursos


A Prefeitura Municipal da cidade de Centro Novo do Maranhão abriu Concurso Público para preenchimento de 178 vagas de cargos do nível Médio e do nível Superior. O processo seletivo constará de prova objetiva e prova de títulos. A prova objetiva será realizada em Centro Novo do Maranhão, no dia 17 de outubro, das 8:30 às 12:30. Os locais de aplicação das provas serão informados na Prefeitura municipal no dia 21 de setembro de 2010.

SERVIÇO

Inscrições:
Data: De 18 de agosto a 31 de agosto de 2010.
Horário: Das 8:00 às 12:00 horas e das 14:00 às 18:00 horas.
Local: Prefeitura Municipal, localizada na Avenida JK, s/n, Bairro Centro.

Site: http://www.fgsousa.org/

Valor das Inscrições:
- Nível Médio: R$ 40,00.
- Nível Superior: R$ 60,00.

Remuneração:
De R$ 510,00 a R$ 5.100,00.

Carga Horária:
De 20 a 40 horas semanais.


O Conselho Regional de Contabilidade do estado do Maranhão abriu Concurso Público para preenchimento de 88 vagas de cargos do nível Médio e do nível Superior. O processo seletivo será organizado pela Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA. O pocesso seletivo constará de prova objetiva para todos os cargos. A prova objetiva será realizada em São Luís e Imperatriz, no dia 19 de setembro de 2010. As informações sobre os locais e horários das provas serão divulgadas no endereço eletrônico http://www.fsadu.org.br/.

SERVIÇO

Inscrições:
Data: De 4 de agosto a 1 de setembro de 2010.

Site: http://www.fsadu.org.br/

Valor das Inscrições:
- Nível Médio: R$ 32,00.
- Nível Superior: R$ 55,00.

Remuneração:
De R$ 1.101,52 a R$ 1.892,38.

Carga Horária:
40 horas semanais.

Política



Lei da Ficha Limpa barra candidatura de Maluf  
O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) negou nesta segunda-feira (23) o registro de candidatura do deputado federal Paulo Maluf (PP), que tenta a reeleição. Por quatro votos a dois, os magistrados tomaram a decisão com base na Lei da Ficha Limpa, que impede políticos condenados por órgãos colegiados de concorrerem nas eleições. O deputado pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Enquanto o caso não for julgado na última instância da Justiça, Maluf continua disputando as eleições.

Em abril, Maluf foi condenado pelo Tribunal de Justiça do Estado (TJ-SP) por improbidade administrativa, pelo suposto envolvimento na compra superfaturada de frangos quando era prefeito de São Paulo, em 1996, caso que ficou conhecido como "frangogate".

Em sessão plenária nesta segunda, os juízes discutiram se deveriam ou não aguardar o julgamento de embargos pedidos pela defesa de Maluf no TJ-SP. Votaram para barrar a candidatura os juízes Jeferson Moreira de Carvalho, relator do processo, Clarissa Campos Bernardo, Alceu Penteado Navarro e Walter de Almeida Guilherme, presidente do TRE-SP. Votaram para permitir a candidatura Paulo Octavio Baptista Pereira e Galdino Toledo Júnior.

Justiça

Delegacia de Codó na mira do CNJ

O Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socieducativas do Conselho Nacional de Justiça (DMF/CNJ) solicitou explicações sobre irregularidades constatadas na 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Codó, no Maranhão. O DMF/CNJ determinou que o Coordenador do Grupo de Monitoramento do Sistema Carcerário no estado do Maranhão, desembargador José de Ribamar Froz Sobrinho, informe, em 20 dias, as providências adotadas em relação à delegacia.

Em visita à delegacia, o conselho comunitário da Comarca de Codó sugeriu que o local fosse interditado imediatamente e os presos, transferidos para penitenciárias. O Conselho encaminhou relatório de inspeção carcerária ao DMF/CNJ com informações sobre a situação da 4ª Delegacia. De acordo com o documento, o local não possui condições mínimas de higiene e as celas estão superlotadas. “As celas são quentes e apresentam mau cheiro pela ausência de ventilação e higiene”, diz o documento.

Também foram apontadas inadequações como falta de visitas psicológicas, ausência de serviço social, falta de defensores públicos para os presos e inexistência de atividades profissionalizantes. Segundo o conselho da comunidade, os presos reclamam de dores de cabeça, dor de dente, insônia e dores no peito. No local, não é oferecida assistência médica e a falta de higiene facilita a proliferação de doenças infectocontagiosas. “Há presos reclamando de doenças na pele e respiratórias. Também há um preso com um corte profundo no braço. Todavia não há informação de que esses presos sejam removidos para local adequado ao tratamento de suas moléstias”, diz o relatório.
Para o conselho comunitário, “é inaceitável que em pleno Século XXI, em que se glorificam os direitos humanos, a dignidade, a cidadania, ainda existam locais semelhantes às masmorras da ‘Idade das Trevas’. A condição de prisão desta delegacia está longe de respeitar a Declaração Universal dos Direitos Humanos, o Pacto do São José, a Constituição Federal e a Lei de Execução Penal”.

O conselho comunitário é uma entidade de fiscalização do sistema carcerário. Fazem parte dele representantes do Ministério Público, da Ordem dos Advogados do Brasil, das associações comerciais, das associações de moradores, do conselho tutelar e da sociedade civil organizada. Além do DMF/CNJ, o relatório de inspeção na 4ª delegacia de Codó também foi encaminhado ao Tribunal de Justiça do Maranhão, ao Conselho de Direitos Humanos do estado, à pastoral carcerária, à Secretaria de Segurança Pública, à Defensoria Pública, à OAB/MA e ao Ministério Público do estado.


Fonte: Agência CNJ de Notícias

Santos Dumont

 

Um sonho sendo realizado

Prefeitura de São Luís conclui Pavimentação asfáltica da avenida Santos Dumont, obra que será inaugurada dia oito de setembro pelo prefeito João Castelo. Nesta semana, começam os serviços de acabamento para o trabalho de sinalização horizontal e vertical, que será executado pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).

Antes de iniciar a pavimentação da avenida, a Prefeitura realizou todas as etapas preparatórias necessárias, como a terraplenagem do solo (preparação da base), a fresagem (nivelamento da superfície, corrigindo irregularidades no asfalto) e a imprimação (colocação do asfalto diluído) para maior aderência da camada asfáltica.

Segundo o titular da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), Marcos Aurélio Freitas, a próxima etapa de execução inclui ainda serviços de acabamento de meio-fio, sarjeta, boca de lobo e limpeza. Segundo ele, a Semosp vai concluir, também, trabalhos de restauração de ruas que ficam no entorno da av. Santos Dumont.

domingo, 22 de agosto de 2010

Fa(o)tos







Fotografia de Andreas Smetana, quando retratou o rosto da atleta australiana Cathy Freeman para o programa Who do you think you are, da SBS-TV. Smetana é considerado internacionalmente como um dos grandes profissionais da fotografia publicitária, a quem as grandes marcas recorrem frequentemente. Nesta imagem, escolheu um processo muito mais complexo: fotografou grupos de pessoas nuas dispostas de tal modo que formassem partes do rosto da atleta - boca, nariz, olhos, etc. Para o retoque final o fotógrafo contou com o estúdio de criação de efeitos visuais Electric Art.

sábado, 21 de agosto de 2010

Show



Scorpions: última turnê ao país

"É uma grande produção. O Scorpions viaja com seis caminhões e cinco ônibus. Faz dois meses que estamos na estrada, é uma turnê pesada, mas o ambiente é ótimo, a atmosfera é fantástica e ainda somos amigos.", disse Matthias Jabs, guitarrista do Scorpions, em entrevista ao Estado de São Paulo esta semana. E é com essa mesma mega-estrutura que eles aportam aqui em São Luis, no dia 24 de setembro. Após 40 anos de carreira, a maior banda alemã de todos os tempos traz sua última turnê ao país.

Os integrantes do Scorpions criaram a banda nos estertores dos anos 1960 e lançaram o primeiro álbum em 1972. Comemorando 40 anos de carreira, o Scorpions anunciou em abril sua aposentadoria. A despedida do Scorpions escora-se num último disco de grande apelo, Sting in the Tail, que curiosamente revigora aquela pegada de rock pesado à AC/DC, muito divertida, muito eficiente.

A última música do seu disco chama-se The Best Is Yet to Come. “Quando gravamos essa música, não sabíamos ainda que esta fosse à última turnê. Ela foi composta em 2004. Agora, depois do álbum pronto, quando soubemos que iríamos parar, essa canção no fim do álbum ficou parecendo irônico.", lembra o guitarrista.

Cidade


"São Luis vai se transformar em um canteiro de obras", diz prefeito

Foi assinado, na manhã da última sexta-feira (20), no Palácio La Ravardière, pelo prefeito João Castelo, contratos para execução de um conjunto de obras de drenagem, terraplanagem, pavimentação, rede de distribuição de água e construção de unidades habitacionais em bairros da cidade de São Luis. Os investimentos são de aproximadamente R$ 36 milhões e vão solucionar problemas crônicos e antigos nos canais do Portinho/Mercado Central, Rio Gangan, Renascença, Salinas do Sacavém e Rua Cônego Tavares, no Anil.

As obras, que serão realizadas em parceria com o governo federal, incluem ações de retificação do Canal do Rio Gangan, trecho da Rua Coronel Eurípedes Bezerra, no Turu (R$ 7,6 milhões); drenagem profunda e pavimentação na área do Mercado Central e Canal do Portinho (R$ 6,1 milhões); pavimentação e drenagem da Rua Cônego Tavares, no Anil (R$ 1,3 milhões); canalização e drenagem profunda na área localizada entre o estacionamento do Canal do Tropical Shopping e o jornal O Imparcial, no Renascença (R$ 2,3 milhões); e drenagem profunda no bairro Salinas do Sacavém (R$ 280 mil).

Mais obras - No valor de R$ 8.668.715,82 (oito milhões e seiscentos e sessenta e oito mil), foi assinado, também, o contrato para a construção de uma rede de distribuição de água na Bacia do Bacanga, nos bairros São Raimundo, Campus UFMA, Sá Viana e Vila Embratel, que correspondem às sub-bacias (“D, F, G, H, I, J e K”) e pequenas parcelas das sub-bacias (“C e E”). As áreas compõem a Zona de Pressão ZP-VI-A.
Outro contrato, no valor de R$ 9.393.423,16 (nove milhões e trezentos e noventa e três mil), foi assinado para a construção de rede de distribuição de água na Bacia do Bacanga, nos bairros Anjo da Guarda, Mauro Fecury, São Raimundo e Vila Nova, que correspondem às sub-bacias (“A, B, C e E”) e pequenas parcelas das sub-bacias (“M, N, O, P e Q”). As áreas compõem a Zona de Pressão ZP-VI-B. Ainda no ato, a Prefeitura assinou contrato para a construção de 18 unidades habitacionais no bairro Salinas do Sacavém, no valor de R$ 360.259,20.
Datas - No dia 27 de agosto, João Castelo assina a ordem de serviço para o início da execução da obra de drenagem profunda e pavimentação na área do Mercado Central e Canal do Portinho; e no dia 28, será a vez da canalização e drenagem profunda na área localizada entre o estacionamento do Canal do Tropical Shopping e o jornal O Imparcial, no Renascença.

Já no dia 30 também deste mês, segundo o cronograma de lançamento das obras, será assinada a ordem de serviço para a pavimentação e drenagem da Rua Cônego Tavares, no Anil. J
á no dia 31, será iniciada a construção da rede de distribuição de água na Bacia do Bacanga, nos bairros da Vila Embratel e Anjo da Guarda.

No dia 3 de setembro, será assinada a ordem de serviço para o início da canalização e retificação do Canal do Rio Gangan, trecho da Rua Coronel Eurípedes Bezerra, no Turu.

Seu Bolso


Energia elétrica ficará mais cara no Maranhão

A Aneel também aprovou reajuste médio de 0,08% para os clientes da Companhia Energética do Maranhão (Cemar). Para os consumidores residenciais, o aumento será de 0,68%. Mas quem estiver enquadrado na categoria de baixa renda vai pagar menos pela energia elétrica: - 3,73%. Para as indústrias, o reajuste médio será de 3,33%.

A Cemar atende cerca de 1,7 milhão de unidades consumidoras em 217 municípios do Maranhão. As novas tarifas da distribuidora entrarão em vigência no dia 28 de agosto. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) também aprovou ontem (19), em reunião extraordinária, reajuste médio de 8,91% para os consumidores atendidos pela distribuidora Elektro. As novas tarifas entrarão em vigor no dia 27.

Para os consumidores residenciais, o reajuste será de 8,48%. Para as indústrias, a energia vai ficar entre 5,64% e 11,78% mais cara. A Elektro atende 1,95 milhão de unidades consumidoras em 223 municípios de São Paulo e cinco de Mato Grosso do Sul.

Outro reajuste aprovado pela diretoria da agência foi para a Companhia Energética de Alagoas (Ceal). As 852,4 mil unidades consumidoras de 102 municípios alagoanos atendidas pela distribuidora terão um reajuste médio de 6,56%. Para as residências, o aumento será de 6,29%. Já as tarifas para o consumidor de baixa renda serão reduzidas em -0,25%. O consumidor industrial terá aumento de 10,78%. As novas tarifas da Ceal passam a valer no dia 24 de agosto.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Meio Ambiente


Grupo de baleias encalha na Nova Zelândia

Por falta de orientação do seu líder, 73 baleias piloto encalham em uma praia da Nova Zelândia. A tragédia mobilizou muitos voluntários, que infelizmente não puderam evitar a morte de 58 animais. Quando dois ou mais baleias (sem ser mãe e filhote) encalham juntos, acontece o chamado encalhe em massa. Eles só ocorrem em espécies que vivem em bando, como golfinhos e baleias piloto. Nesses casos, o animal líder se desorienta ou fica doente e leva todo o grupo com ele.

Projovem


Sai a lista de aprovados no Projovem Trabalhador

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), disponibilizou, na última quinta-feira (19), nos murais das 29 escolas polos e no portal http://www.saoluis.ma.gov.br/, a relação dos nomes dos aprovados no Projovem Trabalhador - Juventude Cidadã. As aulas devem iniciar na próxima segunda-feira (23).
Os cursos terão duração de 350 horas, divididas em 250 horas de qualificação profissional e 100 de qualificação social, com disciplinas de Inclusão Digital, Valores Humanos, Ética e Cidadania, Educação Ambiental, Higiene Pessoal, Promoção da Qualidade de Vida, Formação de Cooperativas, Noções de Direitos Trabalhistas, Prevenção de Acidentes de Trabalho e Estímulo à Elevação da Escolaridade.
No final do programa, 30% desses jovens, no mínimo, deverão ser inseridos no mercado de trabalho e ganhar a oportunidade de obter uma profissão, empreender um pequeno negócio e mudar de vida.
Segundo o secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Júlio França, o programa tem como objetivo promover a criação de oportunidades de trabalho, emprego e renda para os jovens em situação de maior vulnerabilidade frente ao mundo do trabalho por meio da qualificação sócio-profissional. O público alvo destes cursos é de jovens em situação de desemprego com idades entre 18 e 29 anos.
Os alunos contemplados pelo Projovem Trabalhador, além de usufruírem de benefícios dos cursos como a qualificação profissional, receberão uma bolsa mensal no valor de R$ 100,00 e terão direito a um kit contendo fardamento, material didático completo e lanche diário.


SERVIÇO
Para mais informações, entrar em contato com a Semapa através do telefone 3245-4065.

Locais de aula:

  • POLO 01 / Andiroba – ANEXO Unidade de Ensino Básico - UEB Honório Odorico
  • POLO 02 / Cidade Operária I - UEB Mata Roma
  • POLO 03 / Cidade Operária II – UEB Tancredo Neves
  • POLO 04 / Cidade Operária III – Associação de Moradores do Habitar Nice Lobão
  • POLO 05 / Cidade Olímpica – UEB José Ribamar Bogéa
  • POLO 06 / Cinturão Verde – Casa de Beneficiamento de Mandioca
  • POLO 07 / Collier – União de Moradores do Collier
  • POLO 08 / Coqueiro – UEB Hortência Pinho
  • POLO 09 / Cruzeiro de Santa Bárbara – UEB Santo Antonio
  • POLO 10 / Estiva – UEB Evandro Bessa
  • POLO 11 / Igaraú – UEB Antonino Baldez
  • POLO 12 / Itapera – UEB São José de Itapera
  • POLO 13 / Maracanã – UEB José Augusto Mochel
  • POLO 14 / Maracujá – Associação de Moradores do Maracujá
  • POLO 15 / Mato Grosso – UEB Proteção de Jesus
  • POLO 16 / Quebro Pote – UEB Rosilda Cordeiro
  • POLO 17 / Rio Grande – Associação de Moradores do Rio GrandE
  • POLO 18 / Residencial 2000 – UEB Zuleide Andrade
  • POLO 19 / Santa Clara – UEB Santa Clara
  • POLO 20 / São Raimundo – UEB São Raimundo
  • POLO 21/ SEMAPA – BR135
  • POLO 22 / Taim – UEB São Benedito
  • POLO 23 / Tajaçuaba – UEB Teixeira Mota
  • POLO 24 / Tajipuru – UEB Honório Odorico Ferreira
  • POLO 25 / Tibiri – UEB Salomão Fiquene
  • POLO 26 / Vila Cascavel – UEB Dom José Delgado
  • POLO 27 / Vila Itamar – UEB Profº Luis Rego
  • POLO 28 / Vila Janayna – FUMAC – Campus III
  • POLO 29 / Vila Nova República – UEB Luzenir Mata Roma

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Artigo



Nova Lei propõe mudanças no financiamento para a cultura

Vinícius Tavares
De Brasília

Apenas 14% dos brasileiros vão ao cinema uma vez por mês e 92% dos municípios não têm cinema, teatro ou museu. Noventa e dois por cento da população nunca freqüentaram museus. Outros 93% nunca foram a uma exposição de arte. Quase 80% nunca assistiram a um espetáculo de dança e 923%. Os dados acima fazem parte de um documento elaborado pelo Ministério da Cultura para demonstrar a situação de calamidade quando se trata de investimentos para a área da cultura.

Para mudar esta realidade o Ministério da Cultura apresentou na Câmara Federal a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 150, que trada da nova lei da Cultura. Se for aprovada, ela vai mudar a forma de financiamento para o setor e proporcionar que diversas atividades artísticas sejam contempladas com recursos federais.

Entre as medidas que serão adotadas está a incorporação da literatura no fundo de cultura, a criação de um fundo específico para a inovação audiovisual, o fim da tributação dos projetos incentivados, estabelecimentos de critérios para avaliação de projetos, evitando deixar essa definição para a regulamentação.

A PEC 150 já foi aprovada na Comissão de Indústria e Comércio da Câmara e será analisada pela de Educação e Cultura. Atualmente, o que está em vigor é a Lei Rouanet, que tem como principal fonte financiadora a renúncia fiscal de parte das empresas que procuram este tipo de incentivo para apoio cultural e divulgação de suas marcas. De acordo com o Ministério da Cultura, os recursos obtidos por meio da renúncia fiscal são cinco vezes maior do que o fundo do próprio governo para financiar a cultura. Trata-se de um modelo altamente concentrador.

Em 2009, a região sudeste abocanhou 79,11% dos recursos oriundos da renúncia fiscal para projetos culturais. Muito atrás ficaram as outras regiões (Sul com 9,69%, Nordeste com 6,91%, Centro-Oeste com 3,84% e Norte com apenas 0,45%).

Ao avaliar a situação por Estado, nota-se um benefício muito maior para São Paulo (34,79%) e Rio de Janeiro (34,62%), o que revela que a concentração de renda e a participação das empresas são os critérios subjetivos adotados para distribuição dos recursos voltados para a área cultura. Por meio da renúncia fiscal foram disponibilizados R$ 8 bilhões nos últimos 18 anos, dos quais mais de R$ 7 bilhões eram do contribuinte.


Fonte: http://www.olhardireto.com.br/

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Últimos dias

Edital “Cine Mais Cultura” fica aberto até o dia 31 de agosto
A Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Cultura, em parceria com o Ministério da Cultura e a Sociedade Amigos da Cinemateca – SAC promovem a ação Cine Mais Cultura, através do edital do “Programa Mais Cultura”, para entidades privadas sem fins lucrativos e com sede em São Luís, que desenvolvam ou queiram desenvolver ações de exibição de obras audiovisuais e de formação de público.

As inscrições gratuitas para a constituição dos Cines Mais Cultura vão até o dia 31 de agosto, e poderão ser feitas na sede da FUNC (Rua Isaac Martins, 141 – Centro), de segunda a quinta-feira, no horário das 14 às 17h.

Em são Luís, o programa contemplará dez projetos para a constituição dos Cines e disponibilizará, para cada, um kit de equipamentos audiovisuais com tecnologia digital, fornecimento de 104 programas da “Programadora Brasil” (fornecidos em parcelas trimestrais) e promoção de oficinas de capacitação.

O edital tem como foco pessoas jurídicas sem fins lucrativos e, conforme seus objetos, visam contemplar entidades tais como bibliotecas comunitárias, pontos de cultura, associações de moradores ou até mesmo escolas e universidades da rede pública bem como prefeituras, sempre com o objetivo de favorecer o encontro e a integração do público brasileiro com a produção audiovisual de seu país.

Os órgãos de poder público e as estruturas a eles vinculadas ou mantidas poderão participar do edital apenas na condição de parceiros dos concorrentes, através de quaisquer ações que favoreçam a regularidade das atividades do Cine Mais Cultura, tais como: disponibilização de espaço para as sessões, guarda do kit de equipamentos e do acervo, manutenção do equipamento, divulgação das atividades, promoção de debates, e demais formas de colaborações e custeios para o cumprimento do disposto neste certame.

SERVIÇO

Mais informações:

Ministério da Cultura (http://www.cultura.gov.br/
Programa Mais Cultura (http://mais.cultura.gov.br)/
Cine Mais Cultura (http://www.cinemaiscultura.org.br/),
Programadora Brasil (http://www.programadorabrasil.org.br/)
Fundação Municipal de Cultura de São Luís (http://www.funcsl.wordpress.com/)

Receita

Receita libera consulta a lote da malha fina de 2007
A Receita Federal do Brasil abriu hoje (18) a consulta ao lote residual do Imposto de Renda Pessoa Física 2007. Segundo a Receita, do total de 30.725 contribuintes, 17.514 tiveram imposto a pagar, totalizando R$ 46.705.454,40. Terão direito à restituição 4.881 contribuintes, que receberão montante total de R$ 12.430.949,49. Mais 8.330 contribuintes não tiveram imposto a pagar nem a restituir.

O valor estará disponível para saque na rede bancária a partir do dia 25, e terá correção de 34,71%, correspondente à variação da taxa básica de juros, a Selic. Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o ReceitaFone (146).

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá ir a qualquer agência do Banco do Brasil (BB) ou ligar para a Central de Atendimento – 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (deficientes auditivos) – para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Oportunidade


INSS prepara novo concurso público


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), autarquia vinculada ao Ministério da Previdência Social (MPS), está preparando um novo concurso público, destinado ao preenchimento de 2 mil vagas do níveis médio e superior para a área de atendimento. Com salários de até R$5.276.

A seleção irá contemplar os cargos de técnico e analista do seguro social. Segundo fontes ligadas ao INSS, embora a distribuição do número de vagas não tenha sido informada, acredita-se que a maior parte irá contemplar o cargo de técnico.

O pedido já foi feito ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) e tramita na Secretaria de Administração e Recursos Humanos do órgão. Para lotação no cargo de analista, é preciso ter concluído o nível superior em qualquer área de formação. Esse profissional é encarregado da análise e concessão de pedidos de benefícios. Já para o cargo de técnico, é preciso ter o ensino médio completo. Os técnicos são responsáveis pelo atendimento aos segurados e também por desempenhar atividades administrativas.

Atualmente, os vencimentos iniciais são de R$4.667 para analista e de R$2.676,44 para técnico, mais gratificação de desempenho que pode elevar os rendimentos até R$5.276 e R$2.976, respectivamente, segundo a Assessoria de Imprensa do Ministério da Previdência Social. Os servidores também terão direito ao auxílio alimentação, que varia de R$126 a R$161,99, de acordo com o estado de lotação.

De acordo com entidades sindicais e associações ligadas ao Ministério da Previdência Social (MPS), pasta a qual o INSS está vinculado, a necessidade da seleção deve-se à carência de servidores na autarquia e à perspectiva de 2 mil aposentadorias nos próximos dois anos. Além disso, o INSS precisa reforçar o seu quadro de pessoal, que tem cerca de 40 mil servidores, em função do Plano de Expansão da Rede de Atendimento (PEX). O Plano prevê a criação de 720 novas agências da Previdência Social, em todo o país, até o fim de 2011.

Mudança


TJ vai economizar 200 mil com nova sede administrativa

O Tribunal de Justiça do Maranhão vai economizar em torno de R$ 200 mil por ano em alugueis que hoje ocupam órgãos da Justiça, quando a nova sede, localizada no antigo prédio da Assembléia Legislativa do Estado (Rua do Egito – Centro), for reformada para sediar setores administrativos do Poder Judiciário.

No local deverão funcionar a diretoria administrativa e a divisão de Licitação e Contratos, a diretoria Financeira, a diretoria de recursos humanos, a diretoria de Engenharia, o Ferj, e a coordenação de manutenção de equipamento da diretoria de Informática. Também serão transferidos dois juizados especiais e instalado o 1º Juizado Especial da Fazenda Pública.


Em visita ao prédio, realizada ontem, dia 17, o desembargador Jamil Gedeon informou que além da economia, a nova sede possibilitará um melhor atendimento ao público. “Poderemos concentrar toda a área administrativa do TJ, permanecendo no prédio principal a atividades fim (jurisdicional). Com a mudança, vão melhorar as condições de trabalho dos servidores e o atendimento prestado ao público”, declarou.

O local será adaptado para receber cerca de 200 servidores e possui estacionamento próprio, com espaço para cerca de 40 veículos, o que vai ajudar a resolver o problema da falta de vagas de estacionamento no entorno do Palácio da Justiça, na Praça Pedro II. A visita do presidentes e diretores foi estendida ao anexo do Fórum Des. Sarney Costa, cuja obra de infra-estrutura está entrando na reta final.

Dados...

  • Estudo divulgado no ano passado pela consultoria McKinsey estima que 350 milhões de pessoas (quase duas vezes a população brasileira) se mudarão para as cidades chinesas até 2015. Nesse período, o país vai contar com cerca de 220 municípios com população acima de um milhão de habitantes.
  • A expectativa do setor aumobilístico para os anos de 2011 e 2012 no Brasil é agregar aproximadamente mais de dez milhões de veículos à sua frota, o que significa um aumento de 25% em relação aos números atuais. Ou seja, o país já possui aproximadamente 30 milhões de veículos nas ruas. Neste caso, a cidade de São Luís terá nos próximos quatro anos, quase que aproximadamente 40% de veículos a mais.

Empresa chinesa cria ônibus que ajuda a diminuir o trânsito


A empresa Huashi Future Parking Equipment começou a instalar em Pequim, capital da China, o projeto piloto de um veículo que promete melhorar em até 30% os congestionamentos das grandes cidades. Batizado de “Ônibus Expresso 3D”, ele é o resultado da mistura entre um ônibus e um trem. Com a ajuda de trilhos, o veículo anda a quatro metros do chão e permite que carros trafeguem normalmente pelas ruas e avenidas. A empresa estima que vai investir US$ 73 milhões para concluir o projeto-piloto.

O “Ônibus Expresso 3D” tem quatro metros de altura, seis metros de largura e capacidade para transportar até 1,4 mil passageiros – o equivalente a 40 ônibus convencionais. Sua velocidade máxima é de 40 km/h. Além de reduzir o trânsito, o novo veículo é considerado ambientalmente correto. Isso porque ele é movido à energia solar, o que significa que deixa de emitir 2,6 mil toneladas de dióxido de carbono por ano.

O custo para implantar o projeto é baixo quando comparado com outros meios de transporte. Para construir um ônibus e 40 quilômetros de trilhos (pouco menos de dois terços da malha existente hoje na cidade de São Paulo), são necessários investimentos de US$ 7,4 milhões. De acordo com executivos da empresa, esse valor é cerca de 10% do valor necessário para construir o metrô com a mesma malha. O projeto-piloto que será instalado no bairro de Mentougou, em Pequim, terá 186 quilômetros de trilhos até o final de 2011.


Prefeito vistoria as obras




Os canteiros de uma série de obras que a Prefeitura está executando na capital maranhense receberam, neste final de semana, a vistoria do prefeito João Castelo. O percurso teve início pela ponte de 12 metros que liga a Cohab ao Planalto Anil III, ruas asfaltadas deste entorno e, logo após, a comitiva passou pela urbanização da área da antiga feira da Cohab, nova ponte do Anil, Caratatiua e Avenida Santos Dumont.

O prefeito afirmou que vai continuar vistoriando pessoalmente todas as intervenções realizadas pela Prefeitura e que a determinação é para que as secretarias envolvidas trabalhem intensamente para entregá-las o mais rápido possível. “Nosso objetivo é entregar essas obras para a população o mais breve possível, pois é para ela que nós trabalhamos. Vamos encher esta cidade de canteiros de obras e tenho certeza que todos gostarão dos resultados”, enfatizou Castelo.

Por último, João Castelo vistoriou a obra de pavimentação da área do antigo canal do Caratatiua, onde equipes da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) já realizaram uma série de intervenções, entre elas, retirada de lixo e entulhos, terraplanagem e drenagem. Para concluir a obra, que inicia na Rua Pedra do Sol e se estende até o final da Travessa do Babaçu, a Prefeitura irá realizar, nos próximos dias, os trabalhos de imprimação e definição do canteiro central para, finalmente, aplicar o asfalto em toda a via.

SERVIÇO


Fique de olho

Há uma lista de Leis e serviços que os brasileiros acabam não sabendo. Se é melhor dificultar, então pra que anunciar? Segue abaixo algumas dicas:

Cartório Eletrônico

Quem quiser tirar uma cópia da certidão de nascimento, ou de casamento, não precisa mais ir até um cartório, pegar senha e esperar um tempão na fila. O cartório eletrônico, já está no ar! O endereço é www.cartorio24horas.com.br.

Nele você resolve essas (e outras) burocracias, 24 horas por dia, on-line. Cópias de certidões de óbitos, imóveis e protestos também podem ser solicitados pela internet. Para pagar é preciso imprimir um boleto bancário. Depois, o documento chega por Sedex.

Auxilio a lista

Esqueça o número 102, além de evitar a falar com um robô, vai ter menos R$ 1,20 em sua conta telefônica do mês. O número 08002800102 oferece os mesmos serviços sem custo algum.

Boletim de ocorrência

A Lei 3.051/98 nos dá o direito de em caso de roubo ou furto (mediante a apresentação do Boletim de Ocorrência), gratuidade na emissão da 2ª via de tais documentos como: Habilitação (R$ 42,97); Identidade (R$ 32,65); Licenciamento Anual de Veículo (R$ 34,11). Para conseguir a gratuidade, basta levar uma cópia (não precisa ser autenticada) do Boletim de Ocorrência e o original ao Detran p/ Habilitação e Licenciamento e outra cópia à um posto do IFP.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Vote em Terezinha Rêgo


Há quinze anos o site da revista Claudio promove e reconhece as conquistas das mulheres que fazem a diferença na vida dos brasileiros. Este ano, uma das finalistas é a professora Terezinha Rêgo, de 77 anos. Todos lá sabem que ela é a maior pesquisadora e conhecedora das plantas medicinais do Maranhão.

O prêmio teve a sua primeira edição em 1996. São apresentadas quinze finalistas divididas em cinco categorias: ciências, negócios, trabalho social, políticas públicas e cultura. Cinco vitoriosas, uma por categoria, levam para casa a estatueta. No site você pode conhecer a história de cada participante.

Há mais de 50 anos a professora Terezinha Rêgo pesquisa a flora do Maranhão. Ela realizou também a catalogação de 10 800 espécies da flora geral de todo estado. Doutora em botânica pela USP fez especialização em Havana, Cuba. Hoje, Terezinha coordena o Programa de Fitoterapia da Universidade Federal do Maranhão, onde mantém um herbário com 79 espécies medicinais, um centro de atendimento no qual dá consultas diariamente e uma farmácia fitoterápica - 76 xaropes e tinturas são oferecidos a preço acessível ou de graça para quem não pode pagar.

Ela ainda acompanha um grupo de portadores de HIV, para os quais fornece uma planta pesquisada por ela que fortalece o sistema imunológico e combate as infecções oportunistas. E ultrapassou fronteiras: três medicamentos para o combate da pneumonia asiática estão sendo usados na China.

SERVIÇO

A votação no site: http://claudia.abril.com.br/premioclaudia/

A boa ressaca norte-americana...


Chegam ao Brasil quatro marcas de cervejas especiais dos Estados Unidos. Na verdade, as bebidas norte-americanas já estão por aqui desde março deste ano pela importadora Brazil Ways. No mesmo mês, a empresa Tarantino, em São Paulo, apresentou exemplares da cervejaria Anderson Valley, da Califórnia. Na sequência, carregou também a Flying Dog, do estado de Maryland, e mais recentemente a Rogue, do Oregon. Juntas elas somam mais de trinta rótulos à disposição dos brasileiros.

As cervejas especiais são fabricadas em microcervejarias, muitas vezes de forma artesanal. Além de serem produzidas em menor escala, elas fogem do padrão de receita consolidado pelas grandes indústrias porque estão submetidas, entre outras coisas, há tempos e tipos de fermentação diferenciados. Por isso, tendem a ser muito mais aromáticas e gastronômicas. Alemanha, Irlanda, Escócia, Inglaterra e Bélgica são velhas conhecidas nesse ramo.

A história da cerveja nos Estados Unidos é, no mínimo, curiosa. Vai do conservadorismo extremo à diversidade ilimitada que hoje garante ao país a fama de “novo mundo da cerveja”. Foram os imigrantes ingleses que trouxeram a bebida no início do século XVII. Depois vieram os irlandeses, escoceses e alemães, responsáveis por desenvolver e enriquecer a cultura cervejeira naquele país. “Houve um tempo em que cada cidade americana tinha a sua própria fábrica, às vezes até duas, e o consumo era local”, explica Gilberto Tarantino, proprietário da importadora Tarantino.

Bem mais tarde, em 1920, a Lei Seca pôs os Estados Unidos em abstinência durante treze anos. Até então, as do tipo lager, claras, leves e suaves, dominavam o paladar norte-americano, que acabou ficando empobrecido durante esse intervalo histórico de proibição.

Os goles de renovação só vieram mesmo nas duas últimas décadas. Liderado pelas microcervejarias e pelas produções caseiras, o renascimento cervejeiro norte-americano ficou marcado pela produção alternativa, com padrões próprios e, de certo modo, distantes da tradição europeia. “Os alemães são puristas, usam apenas água, malte, lúpulo e fermento. A escola americana é mais criativa”, conta Iron Mendes, da importadora Brazil Ways. Ele comenta que é comum encontrar por lá cervejas com ingredientes como abóbora, pêssego, avelã, mel, açafrão e aveia em suas fórmulas

Os norte-americanos são apurados também na fabricação das cervejas “extremas”, que usam nível elevado de lúpulo em suas formulas. E não é por acaso. Junto de Alemanha, China e República Tcheca, os Estados Unidos compõem o grupo de países dono de 80% da produção mundial de lúpulo. Usado em concentrações maiores, o lúpulo confere amargor à bebida. Para efeito de comparação, enquanto a nossa “loura” do dia a dia possui dez unidades de amargor, há rótulos americanos que chegam a oitenta.

As marcas

Anderson Valley
Criada no estado da Califórnia, a marca é conhecida por ser ecologicamente responsável. Usa energias solar e eólica na produção e a distribuição local de suas garrafas é feita por cavalos e carros elétricos. Entre os seis rótulos – distribuídos em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Minas Gerais –, o destaque é a amarga Hop Ottin Índia Pale Ale, uma das cervejas com maior concentração de lúpulo em circulação no Brasil. Os preços sugeridos pela importadora Tarantino variam de 20 a 38 reais.

Brooklyn
Leva o nome do bairro onde nasceu, em Nova York. Está na lista das principais cervejarias artesanais no país - mérito que também se deve ao seu mestre-cervejeiro Garret Oliver. Segundo Iron Mendes, da importadora Brazil Ways, as quatro versões da marca que desembarcam aqui são distribuídas em doze estados brasileiros. “Onde não há pontos de venda, nós aceitamos pedidos de encomenda, que podem ser feitos pelo site”. A Lager, a East India Pale Ale e a Brown Ale são vendidas em versão long neck. A Local 1, uma Ale refermentada, vem em garrafa de 750 mililitros. Os preços sugeridos pela importadora variam de 9 a 39 reais.


Flying Dog
Do estado de Maryland, a marca tem o cachorro vira-lata como ícone e é famosa por rótulos divertidos – ilustrados pelo artista britânico Ralph Steadman. Das dez receitas disponíveis, quatro se encaixam no perfil das cervejas “extremas”, com alto teor de lúpulo, caso da Gonzo Imperial Porter. As garrafas podem ser encontradas em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Minas Gerais com preços que variam de 15 a 26 reais.

Rogue
Entre as microcervejarias norte-americanas, a Rogue, do Oregon, é uma das que possui maior variedade de rótulos. Além de criativa, produz o lúpulo em fazenda própria. Dos trinta tipos fabricados nos Estados Unidos, catorze chegaram ao Brasil. Quase todas as cervejas da marca contam com alta concentração de lúpulo. Os preços sugeridos pela importadora variam de 44 a 52 reais (a garrafa de 660 mililitros).


SERVIÇO

Importadora Brazil Ways - http://www.brazilways.com.br/
Importadora Tarantino - http://www.tarantino.net.br/

Fonte: http://www.ig.com.br/

Mais uma ordem de serviço assinada “in loco”


A ordem de serviço, no valor de R$ 4 milhões e 500 mil (R$ 4.500.000), para o início das obras de recuperação da Avenida Nossa Senhora da Vitória e revitalização do entorno da principal via de acesso ao Parque Vitória foi assinado, na sexta-feira passada na própria avenida, pelo prefeito de São Luís, João Castelo.

Acompanhado da primeira-dama Gardênia Gonçalves e de secretários municipais, o prefeito João Castelo, após assinar a ordem de serviço, percorreu a avenida, conversou com moradores e motoristas, ouviu sugestões e verificou de perto o estado em que se encontra a via de acesso ao Parque.

As intervenções na Avenida Nossa Senhora da Vitória, que compreende um trecho de dois quilômetros de extensão, serão realizadas pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) e incluem a retirada da camada asfáltica antiga, terraplanagem, drenagem, implantação de meio-fio e sarjetas e pavimentação.

Há mais de 30 anos, a comunidade da área esperava pelas melhorias. A dona-de-casa Luciana Silva Ramos, 44 anos, moradora da região, disse que a intervenção executada pela Prefeitura de São Luís contempla uma reivindicação de toda a população da área que, durante muitas décadas, sofreu com problemas de alagamentos e intrafegabilidade.

“Nunca ninguém tinha feito nada pela gente, apesar dos inúmeros apelos e pedidos que fizemos ao longo desse tempo às administrações que passaram. Esta é a primeira vez que haverá um trabalho sério de restauração para, de fato, solucionar esse problema”, destacou Luciana.

Em cartaz


William da Silva (Daniel de Oliveira), um dos grandes articuladores daquilo que viria a se tornar o Comando Vermelho, vai parar no presídio de Ilha Grande, onde presos ‘comuns’ eram colocados lado a lado com presos políticos. Neste universo de fugas consecutivas, assaltos e enfrentamento com os policiais locais, as amizades se destacavam e geravam dívidas que faziam com que foragidos retornassem à ilha para libertar seus companheiros.

Este importante e controverso capítulo da história recente do Brasil – imprescindível para o entendimento da nossa realidade atual – foi transformado em roteiro cinematográfico por Victor Navas (co-roteirista de “Carandiru”, ” e “Cabra Cega”), com fotografia de Rodolfo Sanchez (o mesmo de “Pixote”, “O Beijo da Mulher Aranha”, “Boleiros 2”, entre outros) e produção da Destiny International, em parceria com a Globo Filmes e a PlayArte Pictures.

Box Cinemas
"400contra1 - A História do Comando Vermelho"
Sessões: 14h50 - 17h10 - 19h20 - 21h20

domingo, 15 de agosto de 2010

Artesão Abel Teixeira recebe título de cidadão ludovicense


Foto: Neidson Moreira (O Imparcial)

Natural do município de Viana, o maranhense Abel Teixeira recebeu na última quarta-feira,dia 11, na Câmara Municipal de São Luís, o título de cidadão ludovicense, através de uma proposição de autoria do vereador José Raimundo Alves Sena, o Nato (PRP).

Abel Teixeira é um mestre artesão. Em 1958, brincou pela primeira vez de cazumba. Em 1960, brincou na turma de Mojeno Aires com roupa e máscara confeccionada por ele mesmo. No ano de 1978, passou a integrar o Boi de Apolônio, com o qual viajou para vários estados do país e até mesmo o exterior.

Com o passar do tempo, Abel começou a fazer as máscaras do Boi de Apolônio e também as encomendadas por brincantes de bumba-meu-boi. Em 1999, expôs suas criações no Museu do Folclore, no Rio de Janeiro. Abel Teixeira também ministrou oficinas de confecção de máscaras de cazumba em São Luís, Viana e no Rio de Janeiro.

“Esta homenagem, antes de ser do vereador Nato, é de toda a Câmara Municipal, que representa o povo de São Luís, em reconhecimento à sua enorme contribuição à cultura do Maranhão. Seu Abel é um grande artista. Ele nasceu para criar e suas máscaras de cazumba só engrandecem o folclore maranhense”, declarou Nato no início da solenidade. Após a outorga do título de cidadania, Abel Teixeira agradeceu aos parlamentares pela homenagem.

AGENDA: Congresso Internacional de Direito do Trabalho do Maranhão começa nesta segunda-feira (16)

Começa hoje (16), às 15h, no Centro de Convenções do Estado – Governador Pedro Neiva de Santana, no Cohafuma, em São Luís, o VII Congresso Internacional de Direito do Trabalho no Maranhão. A presidente do TRT-MA, desembargadora Márcia Andrea Farias da Silva, fará a abertura da solenidade. Em seguida, o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), João Batista Brito Pereira, expõe a conferência com o tema “A aplicabilidade do Art. 475-J do CPC no Processo do Trabalho”.


Mais informações: http://www.trt16.jus.br/

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Humoristas protestam contra novas regras eleitorais na TV

Por conta das restrições, situações que eram comuns no CQC, quando pessoas que passavam por situações mais constrangedoras eram atingidas por marretas ou tinham o nariz aumentado por meio de trucagens com desenho animado, não podem acontecer com os candidatos.

Em entrevista ao Congresso em Foco (http://congressoemfoco.uol.com.br/), o apresentador do CQC Marcelo Tas, chegou a perguntar ao então candidato à Presidência da ditadura militar, Paulo Maluf, se era verdade que ele era corrupto, mostra-se indignado. Avisa: “Não vão me intimidar”. Mas, resignado, reconhece: terá que respeitar a lei.

O fato é que, gostem ou não, as emissoras de televisão passaram a ficar com a atenção redobrada após o início do período eleitoral. Desde o dia primeiro de julho, elas estão na mira da legislação eleitoral (9.504/97). E a norma diz que os candidatos não podem ser submetidos a trucagens ou montagens que tenham tom de deboche e os coloquem em situações constrangedoras ou ridículas. A regra não poderia ser mais clara: é proibido fazer piada com eles. Por conta disso, o CQC parou de fazer suas trucagens com desenho animado.

E o Casseta & Planeta Urgente!, da TV Globo, simplesmente aboliu do programa qualquer referência aos presidenciáveis e outros candidatos nestas eleições. Os humoristas cogitam até mesmo fazer uma passeata no Rio de Janeiro para protestar contra a situação.

Relator da minirreforma na Câmara, o dep. Flávio Dino (PCdoB-MA) foi quem apresentou o substitutivo (veja o documento abaixo) ampliando as restrições. O artigo 45 da Lei teve dois parágrafos acrescidos. Pela redação, passou a ficar definida como montagem “toda e qualquer junção de registros de áudio ou vídeo que degradar ou ridicularizar candidato, partido político ou coligação, ou que desvirtuar a realidade e beneficiar ou prejudicar qualquer candidato, partido político ou coligação”. Quem desrespeitar as vedações que lhes são impostas desde o dia 1º de julho, até o fim das eleições, fica sujeito à multa entre R$ 20 mil a R$ 100 mil, duplicada em caso de reincidência.

Flávio Dino, que atualmente concorre ao governo do Maranhão, rejeita veementemente que sua intenção tenha sido de preservar os políticos nos programas humorísticos. “Essa lei já existia há 13 anos. Eu apenas preenchi as lacunas existentes, pois não se definia o que é trucagem e montagem. Ou seja, fiz melhorar a lei. Agora, dizer que eu endureci a Lei para preservar os políticos é uma afronta”, argumentiou.

Na verdade, havia dois propósitos. Primeiro, impedir montagens e trucagens na internet nas quais os candidatos aparecessem em situações que os ridicularizassem ou gerassem forte prejuízo. Segundo, evitar que a guerra entre os candidatos ganhasse contornos muito fortes em localidades em que um político tem uma emissora de rádio e TV e pode usá-la para ofender seu adversário. O problema é que a norma, muito restritiva, tolheu os programas humorísticos.

O substitutivo de Flávio Dino foi um complemento a uma proposta originalmente apresentada pela deputada Manuela D'Àvila (PCdoB-RS). A emenda da parlamentar previa limites para a cobertura eleitoral, mas apenas na internet. Pelo texto, a deputada sugeria que ficasse “vedada a utilização e veiculação de trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de qualquer forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação”.


Emenda de Manuela D'Àvila

Emenda de Flávio Dino

O que muda com a reforma eleitoral

Func comemora "Dia do Folclore"

Os Blocos Tradicionais de São Luís serão, pela segunda vez, tema da programação comemorativa do Dia Internacional do Folclore, promovida pela Fundação Municipal de Cultura (Func), por iniciativa da Coordenação do Inventário Nacional de Referências Culturais – INRC - que pesquisa a manifestação. Realizado em parceria com o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o evento contará com os 47 grupos da capital.

A programação comemorativa do Dia Internacional do Folclore segue por toda a semana com lançamento de livro, realização de oficinas e roda de conversa e culmina no Dia do Folclore (22) com uma apresentação conjunta dos participantes das oficinas e de integrantes de Blocos Tradicionais. Todas as atividades têm entrada franca.


SERVIÇO

Programação:
Oficinas de ritmo

Período:
17 a 21 de agosto

Horário:
18h às 21h (2ª a 6ª feira) / 14h às 17h (sábado)

Polo 1:
Centro, incluindo Lira, Belira, Vila Bessa, Madre Deus, Goiabal, Codozinho;

Local:
Fábrica São Luís

Polo 2:
Itaqui / Bacanga: Anjo da Guarda (São Raimundo), Vila Embratel;

Local:
União de Moradores da Vila Embratel

Polo 3:
Camboa, Liberdade, Monte Castelo, Diamante;

Local:
Sede do bloco “Os Reis da Liberdade” (rua Machado de Assis, 361 – Liberdade)

Polo 4:
Cohab, Cohatrac, São Cristóvão, Cruzeiro do Anil, Cidade Operária, Maiobão, São José de Ribamar;

Local:
Associação do Cohatrac III, Rua 13

Polo 5:
Bairro de Fátima, João Paulo, Alemanha, Vila Ivar Saldanha;

Local:
Centro Comunitário do Bairro de Fátima

Rodas de conversa
Com a participação de músicos e brincantes antigos e atuais dos Blocos Tradicionais

Local:
Oficina Escola

Dias:
17 de agosto (3ª feira), às 9h, e 19 de agosto (5ª feira), às 15h

Encerramento
Da 22 de agosto (domingo), na Oficina Escola, às 18h, com:

*Demonstração rítmica de antigos brincantes;
*Apresentações dos participantes das Oficinas dos Pólos;
*Exposição de artesanato e de barracas de comida do Centro de Artes Japiaçu.